Resenha "Paixão"





Classificação

Informações do livro
Título: Paixão
Autora: Lauren Kate
Editora: Galera Record
Gênero: Literatura Estrangeira/Fantasia e Romance New adult
Skoob
Meta de leitura 2012

Luce morreria por Daniel. E morreu. De novo e de novo. Ao longo do tempo, Luce e Daniel se encontraram somente para serem dolorosamente separados: Luce morta, Daniel deixado machucado e sozinho. Mas talvez não precise ser dessa maneira...
Luce está certa que algo - ou alguém - em uma vida passada pode ajudá-la em sua vida presente. Então ela começa a jornada mais importante desta vida... voltando eternidades para presenciar em primeira mão seus romances com Daniel... e finalmente descobrir o segredo para fazer seu amor durar.
Cam e a legião de anjos e Exilados estão desesperados para pegar Luce, mas nenhum deles está tão agitado quanto Daniel. Ele vai atrás de Luce através de seus passados em comum, com medo do que pode acontecer se ela reescrever a história.
Porque então seu romance corre o risco de acabar... para sempre.

(Paixão Br)
Contém spolier

   O tão esperado terceiro livro da série Fallen é lançado, aqui no Brasil pela própria Lauren Kate, fiquei sabendo através do meu filho que foi na Bienal do Livro que aconteceu no Rio de Janeiro bem perto aqui de casa no Riocentro em setembro de 2012.

Estava super curiosa em saber como ia continuar a história, muita gente que leu o livro com o qual discuti alguns aspectos e resenhas lidas na internet, descrevem o livro como monótono e descrevendo a personagem como sonsa, bom mais uma vez ressalto, opinião deve ser respeitada.
Por isso que resolvi descrevê-lo de uma forma diferente, não somente lendo livro como algumas pessoas fazem, mas fazer parte da história tentar imaginar cada detalhe, não simplesmente ler por ler.
   Para escuridão.   Para seu passado.   Ele a encontraria?   Sem duvida.   Ele a salvaria?   Sempre.
E assim foi o final de Tormenta, Luce perdida em um anunciador depois de um dia que parecia normal o dia de Ação de Graças, ela estava cercada por seus pais, sua melhor amiga Callie e também com Daniel e os outros, mas também os Párias.

Uma batalha se fez no quintal na casa de Luce, surreal anjos e demônios unidos contra um inimigo maior, trégua entre Daniel e Cam, muita coisa acontecendo à volta dela, e não resta outra saída de saber a verdade que não podia ser contada por mais ninguém, ela deveria descobrir sozinha, já era o bastante em ter descoberto tão próximo dela seus pais de uma vida passada em Mount Shasta sentir que eles a amavam e sofriam com a sua perda tão prematura, sua irmã Vera que encontraram em Las Vegas também havia sofrido por ela.

Lá são resgatados por Ariane onde tiveram uma conversa bem estranha sobre o lado que os anjos deveria escolher e que tudo dependia deles, mas se tratando de Ariane tudo é possível, mas será que todo esse sofrimento era necessário? 

Não haveria outra forma de acabar logo com isso e viver sua vida com Daniel.
Em suas buscas ela descobre seus vários outros Eus do passado, (Lucinda, Lucy, Lucia, Luschka, Ix Cuat), passando por encarnações onde tudo se resumia em encontrar Daniel e se desfazer em cinzas, por quê? 

Ela encontra em um desses anunciadores Bill uma pequena Gárgula que atravessa com ela suas vidas, sabendo até demais, mas ela nem desconfia do que pode ser esse ser tão repugnante que acaba se tornando seu amigo, e Daniel que sempre chega atrasado em sua busca por ela, vários acontecimentos vão se desenrolado nessa nova jornada.

Na minha opinião eu não acho que a autora foi monótona em narrar as vidas passadas de Luce, pelo contrário eu achei muito interessante, pois eu acredito em reencarnação, provavelmente algumas pessoas que leram não acreditassem tanto neste assunto, tornando a leitura chata, mas a riqueza de detalhes mais uma vez me prendeu a imaginação, quando ela entra em uma vida a mais de milênios como descreve a autora (Chichen Itza, América Central 5 Waybe- Aproximadamente 20 de dezembro de 555 na época dos Maias), como imaginar uma época assim, incrível!

Luce continua com seu temperamento chato de ser como sempre, e nessa história por incrível que pareça começo a gostar de Cam, pois ele parece o único que entende a dimensão de todo esse caos, enquanto Daniel fica sem saber o que fazer.

O que mais me incomodou nessa edição foi a capa, a ilustração colorida descaracterizou as outras capas anteriores, na minha opinião as outras arrasaram e foi o que mais me chamou a atenção.

Mas o resultado de tudo isso só saberemos no quarto e último livro da série, contei até demais, esse é o meu mal começo a imaginar e não paro mais.




Nenhum comentário

Postar um comentário

Olá amigos obrigada pela visita!
Livros, a Janela da Imaginação!


Livros, a janela da imaginação - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
Miss Mavith - Design with ♥