Resenha "Ligeiramente Escandalosos"


Classificação



Informações do livro
Titulo: Ligeiramente Escandalosos
Autor/a: Mary Balogh
Editora: Arqueiro
Gênero: Literatura Internacional/Romance de Época
Livro enviado para resenha em parceria Arqueiro.


Freyja Bedwyn é uma mulher diferente das outras damas da alta sociedade: impetuosa e decidida, ela preza a independência e a liberdade acima de qualquer coisa – até mesmo do amor.
Até que o destino lhe apresenta Joshua Moore, o marquês de Hallmare, um homem cheio de charme e mistério, dono de uma beleza estonteante e de uma reputação terrível. Quando ambos se encontram a caminho da pacata cidade de Bath, a química entre os dois é imediata.
Entre encontros e desencontros, conflitos e provocações, Joshua faz uma proposta inusitada: pede que Freyja finja ser sua noiva, para evitar que uma artimanha de sua tia o leve a se casar com a própria prima.
Para uma dupla que acha graça das convenções sociais, esta parece ser a oportunidade perfeita para se divertir. Mas a brincadeira acaba trazendo consequências inesperadas. Aos poucos, suas máscaras vão caindo e ambos se revelam pessoas bem diferentes do que aparentam.
Neste terceiro livro da série Os Bedwyns, Mary Balogh se aprofunda ainda mais nos segredos e desejos dessa família incomum e extremamente sensual.




Como não se encantar com a escrita de Mary Balogh? Que mais uma vez traz um romance apaixonante e cheio de contratempos, equilibrando com a trama com pano de fundo uma história sobre o passado de Joshua Moore o marques de Hallmare.

Para recapitular essa série conta a histórias dos Bedwyns, irmãos conhecidos pela característica austera e sisuda, mas que ao conhecer durante a história percebemos personalidades distintas e cativantes de cada um deles, eles são O Duque Wulfric, Aidan, Rannulf, Lady Freyja, Alleyne e Morgan.

A história começa com Lady Freyja Bedwyns que tentava fugir do seu passado, e da única paixão que nutria por Kit Butler, mas ela já era prometida de Jorome irmão mais velho de Kit a anos, um que deveria ser honrado. Mas Kit não aceita a rejeição de Freyja e retorna para Guerra da Península, e uma fatalidade acontece quando Jerome morre antes mesmo de se casar com Freyja, e anos depois Kit retorna trazendo a tiracolo uma noiva, e todos não esperavam que isso fosse ocorrer, já que imaginavam que com a morte de Jerome, a união dos dois seria inevitável.

Freyja foi obrigada a engolir seus sentimentos, vendo sua paixão se casar com Lady Rasenberg que já esperava o herdeiro de Kit, e tinham um casamento feliz, isso a magoara de tal forma, que sua permanência em Landsey Hall era insurportavelmente dolorosa. A caminho de Bath convite feito por Lady Holt-Barron e sua filha Charlotte, seria seu refúgio pelos próximos 2 meses.

Em uma parada para descansar Lady Freyja está mal humorada, e até dispensou Alice sua acompanhante que tinha recebido ordem expressas para não deixa-la sozinha, mas o temperamento forte e decisivo de Freyja convenceu Alice a sair do quarto, deixando-a sozinha em lugar sem a menor segurança.

Quando tudo parecia ser uma noite tranquila, uma pessoa invade seu quarto causando uma grande confusão, ela não fazia ideia de quem poderia ser, e o estranho foge pela sua janela noite afora, mas não antes ter uma acalorada discussão com Freyja com direito a um beijo roubado. Lógico que Freyja não ia deixar isso barato, ela iria descobrir em breve a identidade da pessoa que invadiu seu quarto, a quem a chamou de coração.

Joshua Moore o marques de Hallmere, estava inclinado a passar sua vida como um conquistador, fugindo do casamento como diabo foge da cruz, seu passado não os dos mais felizes, aos seis após o falecimento de seus pais, ele foi obrigado a viver em Penhallow onde seus tios marqueses viviam com seus primos Albert, Constance, Chastyte e Prudence e viver com eles traziam lembranças dolorosas demais, portanto sua saída logo após receber o título de marques com a morte do seu primo Albert, ele se torna herdeiro de tudo, mas mesmo assim nada o faria de seguir em frente com sua vida.

Ele vai até Bath visitar sua avó Lady Potford, e ela deixa claro que ele precisa assumir de vez suas responsabilidades como Marques, e tomar para o si o que era de direito.

Podemos classificar como clichê quando o destino apronta para colocar frente a frente Lady Freyja com o misterioso rapaz que invadiu seu quarto, e esse encontro rende além de boas risadas pelo temperamento de ambos, mas também a certeza que jamais eles iam se separar.

Os encontros e desencontros que ocorrem nesse livro é muito divertido, Lady Freyja e Joshua Moore são pessoas totalmente diferentes de personalidade, mas que ao menos tempo se completam, como disse no livro a união dos dois jamais seria um completo tédio. Joshua é definido como um homem muito lindo e com porte de uma pessoa imponente e ao mesmo tempo com um temperamento sedutor, cativante, alegre e irresistível. Lady Freyja é uma mistura de personalidade forte e destemida, com suas frases desconcertante e irônicas, me identifiquei com esse personagem, por que ela sempre se mostra uma pessoa séria, mas que ao mesmo tempo quando conhece pode sentir a sua real essência.

O pano de fundo da história foi o que mais me chamou atenção no livro, o romance foi balanceado com uma trama de desencontros, pequenas mentiras, desentendimentos e conquistas, o que tornou a melhor leitura dos dois livros que li da série, esse livro com certeza tem o seu próprio entretenimento particular, muito divertido e dinâmico.

É uma leitura que não decepciona em nenhum momento, e todos os personagens secundários tem seu espaço e sua história, grandes revelações no passado de Joshua movimenta a história de modo positivo, e o amadurecimento de Freyja é perceptível no decorrer dos acontecimentos. Neste livro Mary narra a história de modo objetivo e encantador, todos os personagens se tornam interessantes e tem um lugar definido na trama, e no decorrer da leitura eles são revelados na medida certa equilibrando ainda mais os núcleos do livro.

Podemos contar com um desfecho digno para cada personagem, a autora não deixa passar nada nesse livro, e reforço foi a história que mais gostei até agora. A parte do romance não é uma coisa que acontece de uma para outra mesmo com a atração forte que Freyja e Joshua sentem um pelo outro, Mary vai coloca-los em várias situações inusitadas e divertidas. E isso que deixa a história interessante, todos desencontros que um romance de época possa ter, com todos os clichês, mas com originalidade da escrita dessa autora maravilhosa, os detalhes a mais vou deixar por conta da leitura desse livro que recomendo a todos.  E contando ainda com a diagramação e arte da capa que são lindas e convidativas. É o tipo de livro que não segue uma sequencia, pois cada história é diferente, portanto sem desculpas para dizer que não vai ler.

Livros da série.

Ligeiramente escandalosos 

Próximo da série.

Ligeiramente Seduzidos.




Nenhum comentário

Postar um comentário

Olá amigos obrigada pela visita!
Livros, a Janela da Imaginação!


Livros, a janela da imaginação - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
Miss Mavith - Design with ♥