Like a Rory Gilmore: As 10 capas mais bonitas da minha estante







     Foi bem difícil escolher as capas mais bonitas da minha estante, mas acabei reparando um padrão nelas: a maioria desses livros está entre os meus favoritos. Acho que a ideia de que algo é bonito não parte apenas da aparência, mas o que tem dentro conta muito na formação da nossa percepção. Isso vale tanto para livros quanto para as pessoas.


"The infinite moment of us" foi amor à primeira vista. Ainda não conhecia a autora (que escrever "Deixe a neve cair" com John Green e Maureen Johnson), mas me surpreendi com o enredo simples e incrível ao mesmo tempo. Fora isso, foi o primeiro livro em inglês que li.

Sarah Dessen é uma das minhas autoras preferidas, e como "Lock and Key" não tem versão em português, acabei comprando. Ainda não terminei, mas claro que vai virar favorito.

Raibow Rowell é o mesmo caso: sem versão em português. Carry On é o livro que "originou" Fangirl, podemos dizer assim. Mas essa conversa fica pra outro post.



"20 mil Léguas Submarinas" é um clássico e adoro histórias do tipo. Não podia ficar de fora.

"A Herdeira" é o quarto volume da série "A Seleção". Não deixa nada a desejar em relação aos outros volumes, e ainda tem essa capa sensacional.

"Star Wars: Herdeiro do Jedi" tem a capa mais linda de todas dos livros de Star Wars, na minha opinião. Adoro quando os personagens estão na capa (ainda mais Luke Skywalker). Estou lendo bem devagar pra não acabar logo.


"Os bons segredos" é o último livro de Sarah Dessen, lançado pela editora Seguinte. A capa é diferente da norte-americana, mas é ainda mais bonita. Também é um dos meus favoritos.

"Billy e Eu" é de Giovanna Fletcher, esposa do Tom, de McFly. O livro não é um dos meus favoritos, mas a capa é linda demais.


"Isla e o Final Feliz" é o último livro da trilogia de "Anna e o Beijo Francês" e "Lola e o Garoto da casa ao lado". É uma das minhas séries (ou quase-série) preferidas. A capa é a mesma da norte-americana, e é cheia de referências à história.

Por fim, "Fangirl" é meu livro favorito da autora Rainbow Rowell. Todos os livros dela, lançados no Brasil pela editora Novo Século, foram lançados com as capas originais (norte-americanas), uma mais bonita que a outra. Como eu precisava escolher, acredito que essa foi a que mais representa a história, e a composição de cores até trás a essência dos personagens.

Gostaram da seleção de capas? Tem alguma que gostam mais? Deixem nos comentários!

xoxo

Nenhum comentário

Postar um comentário

Olá amigos obrigada pela visita!
Livros, a Janela da Imaginação!


Livros, a janela da imaginação - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
Miss Mavith - Design with ♥