Resenha "O Garoto dos meus sonhos"

Resultado de imagem





Classificação

Informações do livro
Titulo: O Garoto dos meus sonhos
Autor/a: Lucy Keating
Editora: Globo Alt
Gênero: Literatura Internacional/Romance YA

Desde quando consegue se lembrar, Alice tem sonhado com Max. Juntos eles viajaram o mundo, passearam em elefantes cor-de-rosa, fizeram guerra de biscoitos no Metropolitan Museum of Art... e acabaram se apaixonando. Max é o garoto dos sonhos – e somente dos sonhos – até o dia em que Alice o vê, surpreendentemente, na vida real. Mas ele não faz ideia de quem ela é... Ou faz? Enquanto começam a se conhecer, Alice percebe que o Max dos Sonhos em nada se parece com o Max Real. Ele é complicado e teimoso, além de ter uma namorada e uma vida inteira da qual Alice não faz parte. Quando coisas fantásticas dos sonhos começam estranhamente a aparecer na vida real – como pavões gigantes que falam, folhas de outono cor-de-rosa incandescente, e constelações de estrelas coloridas –, Alice e Max precisam tomar a difícil decisão de fazer isso tudo parar. Mesmo que os sonhos sejam mais encantadores que a realidade, seria realmente bom viver neles para sempre?

"O Garoto dos meus sonhos" foi lançado nos EUA no início do ano passado, com o título de "Dreamology", e desde então, fiquei apaixonada pela capa e pela sinopse. A premissa é muito interessante, e sempre gostei de histórias que envolvam sonhos e suas interpretações. Fiquei muito feliz quando soube que o livro seria lançado no Brasil pela editora Globo Alt, e comecei a ler já no dia em que comprei.

Alice tem sonhos com Max desde pequena, quando sua mãe foi embora para a África. Esses sonhos sempre foram seu porto seguro, e durante o dia, ela fica contando os minutos para poder ir dormir e sonhar de novo. 


Porém, quando ela se muda com seu pai para Boston e começa a frequentar uma nova escola, conhece um garoto idêntico ao dos seus sonhos, inclusive com o mesmo nome. Ele não parece se lembrar dela, e faz o possível para se manter distante, e Alice se vê em uma situação ainda pior do que se ele não existisse. Enquanto ela tenta dizer para si mesma que Max não é real, coisas estranhas começam a acontecer, como se fossem reproduções de seus sonhos na vida real. 
Ela vai em busca de respostas, e parte em uma descoberta sem volta que a fará tomar uma difícil decisão.

Alice é uma personagem cativante, sem dúvida, mesmo que em alguns momentos ela tome algumas atitudes questionáveis. Apesar disso, achei ela muito madura para a idade, e a forma como ela lida com o amor que sente por Max é perfeitamente razoável. O que achei mais incrível na protagonista foi a coragem que ela teve para enfrentar seus problemas e correr atrás daquilo que ela buscava. É uma história simples e fantasiosa, mas a autora trouxe diversas questões importantes e que instigam a reflexão.


Por outro lado, Max não me agradou, pelo menos não no início da história. Ele é arrogante, complicado e teimoso, além de ser covarde. Ele não lutou por Alice em vários momentos em que deveria, e isso me irritou um pouco ao longo da trama. O fim agradou muito, e isso contou pontos, mas se eu pudesse mudar alguma coisa, seriam alguns pontos da personalidade de Max.


Resumindo, o livro é bom como achei que seria, e os defeitos dos personagens fazem mais do que parte do processo. Gostei muito da narrativa da autora, sempre muito leve e divertida, mas não superficial. Ela soube como "entrar" na cabeça de Alice e encarnar uma adolescente com toda a bagagem que a personagem traz. Com certeza irei ler mais títulos da autora.










Nenhum comentário

Postar um comentário

Olá amigos obrigada pela visita!
Livros, a Janela da Imaginação!


Livros, a janela da imaginação - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
Miss Mavith - Design with ♥