Resenha "A maldição do vencedor"


Classificação

Título: "A maldição"
Trilogia Trilogia do Vencedor Vol.1
Autores: Marie Rutkoski
Editora: Plataforma 21
Gênero: Literatura Estrangeira/


Kestrel quer ser dona do próprio destino. Alistar-se no Exército ou casar-se não fazem parte dos seus planos. Contrariando as vontades do pai - o poderoso general de Valória, reconhecido por liderar batalhas e conquistar outros povos -, a jovem insiste em sua rebeldia. Ironicamente, na busca pela própria liberdade, Kestrel acaba comprando um escravo em um leilão. O valor da compra chega a ser escandaloso, e mal sabe ela que esse ato impensado lhe custará muito mais do que moedas valorianas. O mistério em torno do escravo é hipnotizante. Os olhos de Arin escondem segredos profundos que, aos poucos, começam a emergir, mas há sempre algo que impede Kestrel de tocá-los. Dois povos inimigos, a guerra iminente e uma atração proibida... As origens que separam Kestrel de Arin são as mesmas que os obrigarão a lutarem juntos, mas por razões opostas. A Maldição do Vencedor é um verdadeiro triunfo lírico no universo das narrativas fantásticas. Com sua escrita poderosa, Marie Rutkoski constrói um épico de beleza indômita. Em um mundo dividido entre o desejo e a escolha, o dominador e o dominado, a razão e a emoção, de que lado você permanecerá?



Valória e Herran dois povos diferentes, um dominante e o outro dominado, uma guerra que começou há dez anos atrás. Valória é agora uma península rica e poderosa, e os herranis foram escravizados.
Lady Kestrel é filha do Trajan general do exército de Valória, uma pessoa determinada a ter a sua própria liberdade, ao invés de ter que decidir se casar ou se alistar para o exército uma vontade que seu pai deixa muito bem entendido.


Em uma de suas escapadas da mansão, vai para a cidade, Kestrel jogar cartas com marinheiros, um pequeno momento de liberdade. Enquanto isso Jess caminhava por entre as bancas da cidade olhando mercadorias. Quando enfim se encontram, elas acabam parando em um leilão de escravos, impossibilitadas de sair da multidão de pessoas, elas presenciam o leilão de um escravo.


Kestrel fica fascinada com a aparência peculiar do jovem escravo, e seu interesse acaba instigando a fazer um lance por ele. Ela mal sabia que estava prestes a selar o seu destino quando compra o escravo em um valor alto demais. Smith é um Herrani, e tem habilidades como ferreiro, porém o chama atenção de Kestrel foi o fato do logro informar que o escravo sabia cantar.


Passando o calor do momento ela percebe a tremenda enrascada em que se mete, além de comprar o escravo por um valor alto, como ela explicaria isso ao seu pai. Meses se passam ela descobre que o nome verdadeiro de Smith é Iran, sua função como ferreiro na casa do general.


Ao longo dessa convivência misteriosa, Kestrel e Iran passam a ter uma espécie de cumplicidade, mas o que ela não esperava era a tremenda reviravolta que se abateria sobre seu povo. O que seria impossível superar a atração que seu escravo exercia sobre ela.


Li esse livro sem muitas expectativas, no entanto fiquei muito satisfeita com a escrita instigante de Marie Rutkoski, que cria dois povos distintos em busca de suas próprias conquistadas e regaste de sua história. É uma história que começa de forma gradual desenvolvendo bem os personagens e criando uma reviravolta angustiante.


O mistério que cerca o passado de Arin é fascinante e logo de cara me simpatizei com esse personagem, Kestrel por mais determinada que possa ser na hora de demonstrar seu verdadeiro sentimentos senti muita dificuldade em extravasar.


A autora cria um grande conflito sobre esses dois povos, ela detalha de forma sucinta, narrado em terceira pessoa. Os momentos de conflito são detalhados de forma crível. É um livro dinâmico, que faz o leitor embarcar na história, e tem um final devastador. O bom de ler esse livro é que os dois livros da trilogia foram lançados, agora é só ler e descobrir que desfecho terá esse conflito, o rumo dos personagens. Super recomendo.

Leia também





Nenhum comentário

Postar um comentário

Olá amigos obrigada pela visita!
Livros, a Janela da Imaginação!


Livros, a janela da imaginação - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
Miss Mavith - Design with ♥