Resenha "A astúcia cria o mundo"




Classificação


Informações do livro
Titulo: A astúcia cria o mundo - Trickster - Trapaça, Mito e Arte
Autor/a: Lewis Hyde
Editora: Civilização Brasileira 
Gênero: Literatura Internacional/ Filosofia
Livro enviado para resenha em parceria Grupo Editorial Record


Neste livro fascinante, Lewis Hyde explora os velhos mitos que afirmam ter sido o trickster – a figura mitológica que oscila entre o herói e o galhofeiro – quem fez deste mundo o que ele é. Primeiro, revisita as antigas histórias – Hermes na Grécia, Exu na África Ocidental, Krishna na Índia, Coiote na América do Norte, entre outros – e depois as compara à vida e às obras de criadores mais recentes, como Pablo Picasso, Michel Duchamp e Allen Ginsberg. Hyde argumenta que nosso mundo – complexo, ambíguo, belo e sujo – foi uma criação ainda não concluída do trickster. Notável em sua erudição, fluente e dinâmico em seu estilo, A astúcia cria o mundo figura entre as grandes obras da moderna crítica cultural.
Oi amigos, tudo bem!


Primeiramente para compreender melhor o subtítulo do livro “Trickster - Trapaça, Mito e Arte”, vou deixar o significada dessa palavra.

Na mitologia, e no estudo do folclore e religião, um trickster é um deus, deusa, espírito, homem, mulher, ou animal antropomórfico que prega peças ou fora isso desobedece às regras normais e normas de comportamento. A divindade trickster quebra as regras dos deuses ou da natureza, às vezes mal-intencionada (por exemplo, Loki), mas, normalmente, ainda que involuntariamente, em última análise, com efeitos positivos. Frequentemente, a quebra das regras toma a forma de um "truque" (daí o termo, "trickster", que significa "pregador de peças"). Fonte Wikipédia

E a palavra astucia é bem peculiar, a grosso modo a relacionamos a pessoas espertas e ardilosas, e nesse livro percebemos o equilíbrio entre esses seres da mitologia e grandes nomes da história.
É um livro complexo, no entanto muito inteligente, pois ele explora o fato da criação do mundo e a relação dos trickstes como protagonistas influentes no mundo contemporâneo. A proposto do livro leva o leitor a um questionamento filosófico, invocando nomes como Pablo Picasso, Michel Duchamp e Allen Ginsberg.


Mas o mais interessante é que a leitura desse livro faz com que o leitor busque informações e referências aos nomes citados, exemplo: O francês Michel Duchamp nascido em 1887, É um dos precursores da arte conceitual e introduziu a ideia de ready made como objeto de arte, O ready-made é manifestação radical da intenção de Marcel Duchamp de romper com a artesiana da operação artística, uma vez que se trata de apropriar-se de algo que já está feito: escolhe produtos industriais, realizados com finalidade prática e não artística (urinol de louça, pá, roda de bicicleta), e os eleva à categoria de obra de arte.


E ainda temos Allen Ginsberg foi uma criança complicada e tímida, dominada pelos estranhos e assustadores episódios de sua mãe, uma mulher completamente paranoica, que acreditava que o mundo conspirava contra ela. Ao mesmo tempo, o jovem Allen descobria seu desejo por outros meninos.

Na escola secundária, encanta-se com a obra poética de Walt Whitman (considerado o primeiro beatnik) mas, apesar do seu interesse pela poesia, decide seguir os conselhos do pai e estudar direito. Logo ao ingressar na Universidade de Columbia, em Nova York, faz amizade com um grupo de jovens malcomportados - alguns estudantes, como Lucien Carr e Jack Kerouac), e outros não estudantes, como William S. Burroughs e Neal Cassady, todos igualmente interessados em drogas, sexo e literatura. (Fonte Wikipidia)


Portanto quando relacionamos os nomes desses precursores da história aos Trickster, temos uma noção da evolução intelectual do ser humano, levando a reflexão sobre o bem e o mal, onde nem sempre as boas intenções prevalecem, concordando com um mal necessário, nada mais nada menos como os Trickter. Para minha primeira leitura desse autor, e me aprofundar em questões poucos exploradas por mim, foi uma leitura proveitosa e interessante.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Olá amigos obrigada pela visita!
Livros, a Janela da Imaginação!


Livros, a janela da imaginação - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
Miss Mavith - Design with ♥